Daily Archives: May 26, 2003

Morre Dolabella

Que triste isso. No dia que fui na Hebe, o filho Dado e a ex mulher, a Pepita, estavam abaladíssimos. Imagino agora.

Quem souber, quiser, puder, inclua-os em suas preces.

Yeeeeeeeeeeeeeeeessss!!!

Este é um momento de grande emoção. Sou aquela criança que não teve bicicleta até a maioridade e que, aos 21, comprou sua primeira bicicleta de marchas.

Pois agora, aos 45, estou navegando…wireless!

Nâo é wi-fi, no sentido de que não é uma rede daqueles que a gente entra sem mais nem menos, apenar ficando fisicamente no seu espaço aéreo. Estou navegando pela ViVo!

Fui numa reunião de trabalho, falei que não consegui comprar a placa e etc. e a Maria Tereza da ViVo, do Marketing, gentilmente me encaminhou para a Rosely.

Rosely me ligou duas vezes, localizou a loja mais próxima da minha casa, mandou a placa PCMCIA pra loja.

Fui lá às 9 da noite. Fiquei até as 10. Não consegui instalar. Fiquei triste. Mas aí, me ocorreu ler todo o manual de instruções.

Instalei tudo. Liguei para o suporte 1404. Fui super bem atentida e… estou navegando a 87.6 kbps.

Estou super super feliz.

Sempre quis fazer isso. Sempre quis viver este momento. E, por favor, não quero que ninguém estrague meu prazer. Cada um com suas bobagens.

Estou radiante. Agora preciso descobrir a área de cobertura de funcionamento.

Fiz uma assinatura avulsa porque o pagamento é por pacotes de dados transmistidos. Não sei quanto vou consumir para atualizar o blog.

Vou usar o primeiro mês e verificar depois qual a melhor assinatura.

O cartão tem uma anteninha pequena e delicada. Vou tomar cuidado para não destruí-la.

Quando você compra o cartão, ele já vem com um número de celular ViVo habilitado.

O resto, é fácil. Muito fácil.

Por enquanto, agradeço à Telefonica e ao UOL pelo ótimo serviço que têm prestado na minha conexão Speedy. Mas agora, ganhei Liberdade pela ViVo.

Viva a Vivo!!!!

O Mundo voltou ao Normal!

No canto superior direito da home do UOL, uma chamada para…a nova loira do Tchan!

Um dia, querido leitor, vamos descobrir este link entre o UOL e o Tchan, que tanto nos intriga…

difícil

tudo o que diz respeito ao mundo da rede, dá problema. ou melhor, tudo o que diz respeito a computadores dá problema

agora que eu finalmente estou conseguindo navegar pelo speedy, com ip de teste e linha monitorada, meu laptop resolve ficar de mal com as

coisas que tento colocar nele.

pelo que tenho visto e vivido, os computadores estão cada vez mais…humanos.

cheios de idiossincrasias, humores, manias.

também, se a máquina é invenção nossa, tinha que dar nisso.



é realmente lamentável a sensação de exclusão. A CNN não ter mais site em portugues, é de chorar.

de raiva.

Parodi manda links

Bruno Parodi mandou dois links diferentes: o Friendster, e o Wulffmorgenthaler.

O primeiro é uma rede de amigos, onde você se cadastra pra conhecer pessoas. E o segundo é um cara que desenha tiras geniais,com um traço ótimo, lindo mesmo.

Morte em Petrópolis

Pronto, já estressei.Sem contar que estou preocupada com a querida leitora Paulinha Nicolay. A notícia está no dol, o produtor musical Almir chediak, de 52 anos.

Ele e a namorada foram sequestrados por homens que invadiram a casa dele, em Petrópolis.

A nota diz que Chediak foi mestre de nara leão, gal costa, moraes moreira.

Parece piada

Sabe aquela piada do português que vai saltar de pára quedas e recebe as instruções do professor, dentro do avião de porta aberta?

É mais ou menos assim: o instrutor diz que ele vai pular, vai puxar a cordinha e o pára quedas vai abrir. caso não abra, ele puxa a cordinha de segurança e o segundo pára quedas se abrirá. quando ele chegar no solo, um caminhão vai buscá-lo para levá-lo de volta ao aeroclube.

O português salta e puxa a cordinha. O primeiro pára-quedas não abre. Ele puxa a segunda cordinha. E o segundo pára-quedas também não abre. Ao que então, ele diz:

– raios, só me falta o caminhão não estar a me esperaire lá embaixo!

Pois depois de fazer as compras online de supermercado, para serem entregues como presente, depois de ligar para a presenteada para que ela escolhesse o melhor horário em que ela estaria em casa hoje, depois de pagar a taxa de agendamento de horário certo, as compras chegaram no horário exato. e, claro, ela não estava em casa.

Não estava em casa, não atende o celular e assim, os congelados derreter-se-ão na portaria do prédio.

Talvez, quando o peixe descongelar por completo, talvez o aroma chegue até onde ela estiver.

Agora, só falta o caminhão das lojas Marisa não estar esperando a minha mãe na portaria do aeroclube!

Coca Cola Light, não… Coca Cola Leite!

Não é fácil comer algo sabendo que é da Gessy Lever, porque quando você pensa em Gessy, seu cérebro imediatamente abre o arquivo de cheiros (e sabores) de sabonete.

Melhor comer sem saber, porque aí, a informação do banco de dados não interfere.

Da mesma forma não é fácil imaginar um cosmético da Yakult. Tenho a sensação de que se eu passar uma sombra Yakult, vou passar o dia com um zilhão de lactobacilos vivos sentados na minha pálpebra.

As marcas tem significado, tem registro em nosso cérebro, adquirido através de experiências e sensações.

Agora, leio no Blue Bus que a Coca Cola vai lançar um leite com sabores de chocolate, baunilha com banana e amora, dirigido a crianças e adolescentes.

É tão estranho quando a Parmalat lançar um refrigeranet à base de cola: não cola.

Mas quem sabe, com a verba gigante de marketing, seja possível apagar informações da nossa massa cinzenta, usando métodos de repetição de controle mental de massa.

O produto vai se chamar Swerve, que significa algo como ‘desviar a rota’.

Bom, se fosse coca cola, a gente entende você toma para desviar …arrota!!

Parte II, o resgate

tudo passa. lembro do começo dos anos 80 quando eu escrevia djalma jorge, o locutor que imortalizou a hoje famosa expressão, na vida tudo passa, o tempo passa, o ferro elétrico passa e até a uva passa.

a manhã passou.

não passou a fome, porque meu almoço jaz sobre a mesa de reunião, em seu isopor, esperando talheres.

eu, nem tive tempo de colocar a bolsa na mesa, pois da primeira reunião, fui direto para o trânsito, para a agência (onde estou) e para outra reunião.

roubei um tempo e vim aqui.

olá.

agora, volto,

pra lá.

já já, vou dar um hello para as notícias do mundo.

por enquanto, estou com palocci, firme e forte diante dos opositores.

e esses petistas radicais, infelizes profissionais, ranzinzas de carteirinha, daqueles que sofrem do prazer perverso, que é quando a pessoa só consegue sentir prazer quando o outro sente dor.

andar com fé

vou começar a semana com fé, muita fé. estou botando fé que tudo vai dar certo, pra todo mundo. pra começar, o meu speedy está funcionando, embora seja tudo ainda provisório, teste. estou feliz porque paguei quase todas as minhas contas, fiz quase tudo o que tinha para fazer.

o resto, eu termino hoje. marquei dentista, estou cuidando dos filhos, vou ligar pra dermatologista, mandei presentes pela web.

fiquei feliz por ir na missa de 7o dia do meu amigo Renato Barbosa e por encontrar amigos. por tratá-los bem, por ser bem tratada.

amigo também serve pra aguentar a gente, em todos os sentidos.

agora, eu é que tenho que aguentar um pouco o mundo.

fazer o quê. o mundo é este aqui. não tem outro. tá cheio de gente chata, pentelha, louca, cruel, problemática. mas tem gente boa, amiga, gentil, divertida, interessante.

não dá pra mudar o mundo, ninguém vai se adaptar a você.

é só seguir o conselho do técnico do time e aprender a fazer a sua seleção.

bola na rede.

que a gente ganha o campeonato.

bom dia.

boa noite mesmo

agora eu vou. vou e vou e pronto. vou soprar e soprar e minha cama desarrumar.

vou dormir e sonhar e parar de pensar.

vou esquecer a agenda.

só vou lembrar, que vou emendar o feriado e vou me dar três dias de folga em junho, 16, 17 e 18.

e que vou viajar com a família. e que vou blogar de onde quer que eu esteja.

e vou tentar não encanar porque tenho uma audiência no fórum.

mas Deus está do meu lado e paguei em dia o advogado.

então, boa noite.

Eu sabia

Já é segunda feira. E eu estou terminando o segundo roteiro da reunião de 2a., às 9 da manhã.

Nessas horas eu fico morrendo de admiração e inveja do Flávio de Souza, que construiu sua vida e carreira a partir do fato que ele odeia acordar cedo.

Eu, que odeio acordar cedo, estou sempre dormindo tarde. E acordando…cedo.

Eu não funciono de manhã. Fico irritada, não tenho criatividade nem paciência.

Manhã, pra mim, é pra relaxar, tomar café, fazer esporte, tomar banho.

Tem gente que não consegue trabalhar à noite. Eu, rendo muito mais quando escurece. Me concentro, me inspiro, crio.

Se eu fosse um bicho, seria uma coruja.

PS – e o primeiro pentelho ou pentelha que me chamar de burguesa vai levar uma saraivada de carteiras e contratos de trinta anos de trabalho em vários empregos!

mais do que acordar cedo, tem uma coisa que eu odeio: o conceito de que o ócio é pecado.